Áudios

Posseiro
Data: 02/05/2017
Créditos:
Texto: Posseiro
Autoria: Edir Pina de Barros
Declamação/ edição: Ariadne Cavalcante
Música: With you - Ernesto Cortazar
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Posseiro
 
O seu posseiro abraço, que me enlaça,
e que meu corpo logo invade inteiro,
acende em mim, depressa, tal braseiro,
que tudo em volta vira só fumaça.
 
Eu olho entorno e fico bem sem graça,
mas desse jeito seu, moleque e arteiro,
não se contenta em ser, de mim, meeiro,
por mais que mil ofertas eu lhe faça.
 
De tudo toma conta, sem detença,
como se fora, o meu pudor, besteira,
quebrando os nós de minhas vãs correntes.
 
E vai meu chão lavrando, sem licença,
e vai fincando esteios de aroeira,
a mim cercando com seus beijos quentes.

Cuiabá, 18 de Outubro de 2009.
PURA CHAMA,pág. 40
Sonetos selecionados, pg. 57
Enviado por Edir Pina de Barros (Flor do Cerrado) em 15/10/2009

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Comentários