Textos


Mundo pequeno
Edir Pina de Barros

O nosso mundo, amor, ficou pequeno,
não cabe nossos sonhos, como outrora,
pois cada qual aos poucos se evapora
e tu nem vês o quanto sofro, peno.

Ficou estreito... Não, não te condeno.
Julgar-te não me cabe, mesmo agora,
que partes sem me olhar - e tudo chora -
sem degustar o vinho teu, chileno.

O que fazer, amor, de cada sonho
que tempo atrás nós dois sonhamos juntos?
Hão de morrer, por certo, pouco a pouco.

E nestes versos – que por ti componho –
hão de ficar, em meio a mais assuntos,
sinais de nosso amor, imenso e louco
Edir Pina de Barros (Flor do Cerrado)
Enviado por Edir Pina de Barros (Flor do Cerrado) em 01/06/2017

Música: Ne me quite pas Randy SC - Randy SC

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários